Por um trânsito mais seguro, ações alusivas ao movimento Maio Amarelo serão realizadas em diversas cidades catarinenses

No dia 1º de maio será realizada a abertura oficial da programação de ações alusivas do Maio Amareloem Santa Catarina. O evento terá início às 9h, no Parque de Coqueiros, em Florianópolis, com atividades realizadas durante todo o dia. Diversas outras cidades catarinenses planejaram ações, que envolvem a realização de seminários, caminhadas, blitzes educativas, entre outras, para alertar a sociedade sobre os altos índices de acidentes e de mortes no trânsito.

O movimento nacional ganha força em Santa Cataria com a articulação entre o Poder Público e a Sociedade Civil Organizada, envolvendo os mais diversos órgãos e instituições em torno da promoção da segurança viária e da redução dos acidentes e perda de vidas no trânsito.  O principal articulador é o projeto Rede Vida no Trânsito, de Florianópolis.

“Somente através de ações intersetoriais e de políticas publicas é possível reduzir a perda de vidas no trânsito. Mesmo sendo um grave problema de saúde pública, as soluções possíveis têm de ser fundamentadas na intersetorialidade”, reforça Gladis Helena da Silva, gerente de Vigilância de Agravos Infecciosos, Emergentes e Ambientais da Diretoria de Vigilância Epidemiológica da Secretaria de Estado da Saúde (DIVE/SES/SC), que responde, atualmente, pela secretaria executiva da Rede Vida no Trânsito.

Em Santa Catarina, Joinville lidera o ranking de óbitos por acidentes de trânsito, conforme o último relatório do Sistema de Informação de Mortalidade da DIVE/SC), de 2014. Conforme os dados, o município registrou 162 óbitos de vítimas de acidentes, seguido por Florianópolis, onde 106 pessoas morreram no mesmo período. Os outros municípios que figuram na lista dos dez mais são Blumenau (98), Itajaí (72), São José (68), Chapecó (56), Lages (51), Criciúma (50), Jaraguá do Sul (50) e Rio do Sul (41). 

Em Florianópolis, os desastres de trânsito com vítimas fatais são estudados pelo Grupo de Informação da Rede Vida no Trânsito, composto por representantes das seguintes instituições: Polícia Militar, Polícia Rodoviária Estadual, Polícia Rodoviária Federal, Corpo de Bombeiros, SAMU (Estadual e Municipal), Secretaria Municipal de Saúde, IML, Deinfra e da Dive/SC.

Em 2015, foram registrados 54 desastres de trânsito em Florianópolis, com 55 mortes. Dessas vítimas, a maioria era formada por homens (85,5%) e metade delas tinha menos de 32 anos. Os registros apontam que os desastres envolveram motocicletas (38,2%), carro (21,8%) e bicicletas (12,7%). Osatropelamentos representaram os outros 27,8% das ocorrências. A análise demonstra que 79,6% dos desastres ocorreram entre os meses de março e outubro e que a maioria (53,7%) ocorreu à noite. Quase a metade (44,4%) aconteceu nos finais de semana. Dentre os fatores de risco associados aos desastres, tanto em relação às vítimas quanto aos envolvidos, estiveram: excesso de velocidade (44,4%), álcool (42,6%), infraestrutura (37%), condições climáticas (16,7%), drogas ilícitas (14,8%), fadiga (13%), falta de habilitação (9,3%) e distração (5,6%).

 

Programação Maio Amarelo em Santa Catarina

1/5 – Florianópolis: Abertura oficial do Maio Amarelo no Parque de Coqueiros - às 9 horas

2/5 – Gaspar Abertura Oficial no Posto da PRE SC 412 – às 9h

4/5 – Lages: Abertura do Maio Amarelo na Câmara de Vereadores – às 21h

6/5 – Indaial: Passeata em frente à Prefeitura Municipal - às 9h

7/5 – Blumenau: Escadaria da Catedral São Paulo na Rua XV de Novembro – às 9h

11/5 – Florianópolis: Seminário  Mobilidade Urbana e Segurança no Trânsito: uma visão integral – no Campus da UFSC

14/5 – Timbó Espetáculo Vida Sempre na Prefeitura de Timbó - às 9h

17/5 – Rio do Sul: Comandos Educativos com entrega de brindes no Posto da PRE – às 9h

17/5 – Florianópolis: Abordagem Educativa no Terminal de Integração Central (Ticen) – das 10h às 12h, e da 16h30 às 18h30.

19/5 – Rio do Sul: Comandos Educativos com entrega de brindes no posto da PRF – às 9h

20/5 – Rio do Sul Passeata em Atenção pela Vida na Praça Emenbergo Pelizzetti – às 9h

21/5 – Lages na Praça Vidal Ramos Sênior

21/5 – Timbó Capacitação em direção defensiva para motociclistas Pavilhão de Eventos – 8h30 e 14h

28/5 – Itajaí: Caminhada Educativa, com saída da Praça Vidal Ramos - às 9h.

 

Sobre a Rede Vida no Trânsito:

A Rede Vida no Trânsito é uma organização intersetorial, criada em julho de 2014, que reúne diversas instituições, governamentais e da sociedade civil organizada. As instituições participantes são:

- Secretaria de Estado de Saúde de Santa Catarina – Diretoria de Vigilância Epidemiológica (DIVE/SES/SC)
- Prefeitura Municipal de Florianópolis
- Secretaria Municipal de Saúde de Florianópolis
- Instituto de Planejamento Urbano de Florianópolis (IPUF)
- Secretaria de Segurança e Gestão do Trânsito de Florianópolis
- Guarda Municipal de Florianópolis
- Polícia Militar de Santa Catarina
- Polícia Militar Rodoviária de Santa Catarina
- Polícia Federal
- DETRAN
- Corpo de Bombeiros
- SAMU Estadual
- SAMU Municipal
- Instituto Médico Legal (IML)
- SEST/SENAT – Serviço Social do Transporte / Serviço Nacional de Aprendizagem do Transporte
- SESC -  Serviço Social do Comércio 
- OAB/SC – Ordem dos Advogados do Brasil de Santa Catarina
- União dos Ciclistas do Brasil/Viaciclo
- MobFloripa - Guia de Mobilidade de Florianópolis
- ICom Floripa – Instituto Comunitário Grande Florianópolis 
- Icetran - Instituto de Certificação e Estudos de Trânsito e Transportes ​
- Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia (SBOT)
- UFSC/ LABTRANS
- OAB Cidadã
- ONG Floripa Acessível
- Associação dos motociclistas
- Moto Repórter
- ONG Pró-Bici
- ONG Ritmos das Cidades
- Secretaria Municipal de Educação
- SESC


Mais informações: www.facebook.com/ redevidanotransito

 

Informações adicionais para a imprensa:
Letícia Wilson / Patrícia Pozzo
Núcleo de Comunicação
Diretoria de Vigilância Epidemiológica
Secretaria de Estado da Saúde
Fone: (48) 3664-7406 | 3664-7402
O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.


Topo