Campanha de multivacinação para crianças e adolescentes encerra nesta sexta-feira

A Campanha Nacional de Multivacinação para atualização da caderneta de vacinação de crianças e adolescentes encerrará na próxima sexta-feira, dia 22. No total, 16 vacinas estão à disposição para completar a proteção de crianças e adolescentes de até 15 anos contra doenças como sarampo, caxumba, varicela, rubéola, poliomielite, tétano, coqueluche, meningite C e HPV.

No último sábado, ‘Dia D’ da campanha, foram atendidos 71.884 crianças e adolescentes nas 1,2 mil salas de vacina da rede pública de saúde nos 295 municípios catarinenses, e foram aplicadas 23.647 doses de vacina. “Ao todo, 32% das crianças e 35% dos adolescentes estavam com alguma vacina em atraso”, informa Vanessa Vieira da Silva, gerente de Imunização da Diretoria de Vigilância Epidemiológica (Dive) da Secretaria de Estado da Saúde de Santa Catarina (SES/SC). No total, entre os dias 11 e 16 de setembro, 140.619 crianças e adolescentes procuraram as unidades de saúde para verificar sua situação vacinal. Destes, 47.009 possuíam alguma vacina em atraso e foram imunizados. Ao todo, foram aplicadas 77.922 doses de vacina naquele período.

 

Quem deve se vacinar

Todas as crianças e adolescentes menores de 15 anos devem comparecer a uma das 1,2 mil salas de vacina da rede pública de saúde do estado com a caderneta de vacinação. Após avaliação, aqueles que não tenham tomado alguma vacina indicada para sua faixa etária, ou que precisem completar o esquema de doses, serão imunizados.

Saiba mais sobre a campanha e onde encontrar uma sala de vacina em www.dive.sc.gov.br/multivacinacao.

Confira quais vacinas são oferecidas durante a Campanha de Multivacinação e as faixas etárias alvo correspondentes:

  •         BCG (formas graves de tuberculose)  – menores de 5 anos;
  •         Hepatite A – menores de 5 anos;
  •         Penta (hepatite B, difteria, tétano, coqueluche e haemophilus influenzae B) – menores de 7 anos;
  •         Hepatite B – crianças de até 30 dias de idade; crianças e adolescentes entre 7 anos e menores de 15 anos; 
  •         VIP (vacina inativada contra a poliomielite)– menores de 5 anos;
  •         VOPb (vacina oral contra a poliomielite) – menores de 5 anos;
  •         Rotavírus humano – primeira dose: de 2 meses a 3 meses e 15 dias de idade; Segunda dose: de 4 meses a 7 meses e 29 dias de idade;
  •         Pneumocócica 10 valente – menores de 5 anos;
  •         Meningocócica C conjugada – crianças a partir de 3 meses de idade a menores de 5 anos e adolescentes de 12 e 13 anos;
  •         Tríplice viral (sarampo, caxumba e rubéola) – crianças a partir de 12 meses de idade e adolescentes menores de 15 anos;
  •         Tetraviral (sarampo, caxumba, varicela e rubéola) ou tríplice viral + varicela (atenuada) – menores de 5 anos;
  •         DTP (difteria, tétano e coqueluche) – até menores de 7 anos;
  •         dT (difteria e tétano) – para crianças a partir de 7 anos e adolescentes menores de 15 anos;
  •         dTpa (difteria, tétano e coqueluche acelular) – para gestantes menores de 15 anos de idade;
  •         HPV (papiloma vírus) – meninas de 9 a 14 anos e meninos de 11 a 14 anos;
  •         Febre amarela*

 

* Criança a partir de nove meses e adolescente menor de 15 anos residente ou viajante das áreas com recomendação de vacinação ou com recomendação temporária de vacinação, não vacinada ou sem comprovante de vacinação; e criança e adolescente indígena, independente da área onde reside, não vacinada ou sem comprovante de vacinação.

 

Dia D em Jaraguá do Sul, com a presença do Secretário de Estado da Saúde, Dr. Vicente Caropreso.

 

Canoinhas

 

Garuva

 

Porto União

 

São Francisco do Sul

 

São Miguel do Oeste

 

Serra Alta

 

Taió

 

Balneário Barra do Sul

 

Joinville

 

Camboriú

 

Campo Erê

 

Catanduvas

 

Ibiam

 

Ibicaré

 

Itapema

 

Itapoá

 

Joaçaba

 

 

Porto Belo

 

São Domingos

 

Major Vieira

 

Otacílio Costa

 

Itajaí


Topo