Comunicado: Vigilância Epidemiológica de SC esclarece sobre a falta da vacina meningocócica C

O Ministério da Saúde (MS), por meio da Nota Informativa Nº 169/2018-CGPNI/DEVIT/SVS/MS, informou a todas as Secretarias de Saúde que a vacina meningocócica C foi distribuída em um quantitativo correspondente a 72% (30.660 doses) da cota mensal estadual, devido a atrasos nas entregas por parte do laboratório produtor, Fundação Ezequiel Dias (Funed).

A Diretoria de Vigilância Epidemiológica de Santa Catarina (Dive/SC) informa que recebeu o referido repasse do Ministério em 17 de agosto de 2018, quantitativo que está sendo distribuído a partir desta semana às centrais regionais de saúde. Conforme informações da equipe do Programa Nacional de Imunizações do Ministério da Saúde (PNI/MS), o estoque estratégico está sendo mantido para o atendimento das demandas emergenciais.

Por isso, orientamos as equipes municipais de atenção primária e de imunização a manterem um cadastro de crianças que ainda devem receber a vacina, para posteriormente serem resgatadas, atualizando a carteira de vacinação. No estado, são aplicadas em média 42.500 doses de meningocócica C por mês.

Assim que essa situação for regularizada, a Dive/SC irá providenciar o imediato envio dos imunobiológicos para as Gerências Regionais de Saúde abastecerem os municípios de Santa Catarina. As demais doses das vacinas do calendário vacinal estão com a distribuição funcionando normalmente.


Topo