DIVE/SC esclarece sobre baixa de estoque de inseticida para mosquito Aedes aegypti

A Diretoria de Vigilância Epidemiológica de Santa Catarina (DIVE/SC), vinculada à Superintendência de Vigilância em Saúde (SUV) da Secretaria de Estado da Saúde (SES), esclarece que o estado tem um estoque mínimo do inseticida Malathion EW, tendo em vista o desabastecimento do Ministério da Saúde (MS). Todos os inseticidas utilizados em Saúde Pública são fornecidos pelo MS aos Estados.

Diante dessa situação, no início de maio a DIVE/SC encaminhou um ofício às Gerências Regionais de Saúde e municípios para que o uso do produto seja consciente e racional, seguindo os parâmetros técnicos, com base na investigação epidemiológica dos casos. O produto está concentrado nas Gerências Regionais de Saúde, que após avaliação com a equipe municipal realizam a liberação ou aplicação do mesmo.

O inseticida Malathion EW é usado para atingir o mosquito adulto, através do contato com inseto, quando ocorre a transmissão de dengue, febre de chikungunya e zika vírus. A aplicação do inseticida é apenas umas das ações a serem realizadas e deve ser acompanhada da eliminação de recipientes que podem acumular água. Essa continua sendo a melhor estratégia de controle do mosquito Aedes aegypti.

 

Amanda Mariano
Bruna Matos
Patrícia Pozzo
Assessoria de Comunicação
(48) 3664-7406 
(48) 3664-7402 
(48) 3664-7385


Topo